Vantagens do uso da cortina de contenção

Vantagens do uso da cortina de contenção

As obras de construção civil movimentam e geram bastante impacto nos terrenos onde estão sendo realizados e também no entorno da construção. Nesse sentido, muitas modificações são realizadas, principalmente no solo e ele pode acabar perdendo a estabilidade inerente à sua característica. Assim, para que o equilíbrio retorne até o terreno e se possa trabalhar nele, é preciso utilizar de métodos e equipamentos. Hoje a Terra Brasil – Terraplenagem vai abordar o funcionamento e os usos das cortinas de contenção.

Primeiramente, precisamos compreender que a etapa de contenções de uma obra tem como fundamento frear as alterações provocadas pelas interferências do trabalho. Este tipo de ação é necessário quando ocorre a retirada da vegetação local, já que as raízes proporcionam mais consistência ao terreno. Ela também é responsável por absorver parte da água que aumentaria a pressão interna. O principal fator de interferência na estabilidade do solo, exigindo a utilização das cortinas de contenção é a água.

Por isso, quando a estrutura geológica do terreno é alterada, independentemente se for por corte ou escavação, precisa-se utilizar algum método de contenção, conforme o mais indicado para aquele tipo de solo. Outro ponto para ser avaliado também é a implementação de um sistema de drenagem adequado. Isto deve ser bem planejado, já que a água, como dito anteriormente, é o maior fator de alteração da estabilidade.

Dentre os principais tipos de contenção utilizados pela construção civil podemos citar: muros de arrimo, terra amarrada, gabiões, crib-walls, solo grampeado, cortina atirantada, aterro reforçado, retaludamento e cortina de contenção.

A cortina de contenção foi criada como uma forma de solucionar os problemas apontados anteriormente. Ela é, normalmente, aplicada em grandes cortes verticais, com ângulo de 90 graus e atendem a grandes alturas de contenção, conforme a necessidade do projeto. Elas são constituídas basicamente de concreto pré moldado ou concreto e aço, de acordo com o cálculo no empuxo do solo que é apresentado pela obra.

5 vantagens do uso das cortinas de contenção

1) Uma das vantagens no uso das cortinas de contenção está na diversidade de projetos de construção civil em que elas podem ser implementadas. A estrutura vai depender da necessidade de cada obra, de modo que seja otimizado o desempenho do sistema de contenção;

2) O uso das cortinas de concreto pré-moldado é uma técnica relativamente nova e que foi desenvolvida para baixar os custos da obra. Nesse sentido, a principal vantagem é a industrialização da construção das cortinas, desse modo elas são mais baratas e se tornam apenas um processo de montagem, agilizando a obra.

3) Além da redução de custos pela sua praticidade e fabricação, a utilização das chapas de contenção também reduzem o consumo de materiais como madeira, aço e concreto;

4) Pensando na segurança dos trabalhadores da obra e também no andamento do projeto em si, as cortinas de contenção têm bastante vantagem neste quesito. Assim, eliminam-se os riscos por escavação de cachimbos junto a pilares próximo a divisa;

5) Por último, uma das vantagens desse modelo de contenção é a otimização do espaço utilizado. Em centros urbanos, por exemplo, a estrutura do projeto não contempla o taludamento do terreno natural, fazendo necessário o uso das chapas de contenção.

Por fim, temos é importante lembrar que todos os processos utilizados em um projeto de construção civil devem atender às normas e recomenda-se a contratação de uma equipe especializada para isto.

Deixe uma resposta