You are currently viewing As novas tecnologias na construção civil em 2022
As novas tecnologias na construção civil em 2022

As novas tecnologias na construção civil em 2022

A alta demanda do setor imobiliário impacta não só no crescimento do setor, mas também no investimento por novas tecnologias na construção civil

A necessidade de atualizar ferramentas e técnicas é importante para acompanhar o surgimento de novos empreendimentos.

Além disso, as exigências por trabalhos modernos e com consciência ambiental estão cada vez maiores. Assim, para se manter competitivo no mercado, é necessário trabalhar com o que há de mais moderno em inovações e equipamentos.

Nesse sentido, as novas tecnologias colaboram para potencializar a produtividade, tornar projetos mais rápidos e ágeis, economizar recursos e aumentar a segurança dos trabalhadores são só parte dos benefícios dessa integração.

Para o ano de 2022, a expectativa é de que a construção civil se afirme como um dos setores que vai retomar a economia após a crise econômica agravada pela pandemia. O setor conseguiu crescer 2,7% no terceiro trimestre de 2021 e tem tudo para alavancar em 2022.

Por isso, é importante que as empresas da construção civil acompanhem as tendências e saibam como aplicar da melhor maneira possível as novas tecnologias surgindo no setor em 2022.

 

As novas tecnologias na construção civil em 2022

 

Tecnologias focadas em sustentabilidade:

As novas tecnologias na construção civil vão seguir uma tendência cada vez mais popular e necessária: trabalhar com sustentabilidade.

As obras sustentáveis chegaram para ficar. Como o setor da construção civil gera impactos consideráveis no meio ambiente, muitas empresas estão trabalhando em tecnologias para reduzir estes danos.

Desde sistemas de reaproveitamento de água da chuva e projetos com placas solares até processos digitais, reduzindo o consumo de papel, e escolha de materiais que com menor uso de água em sua produção, a construção civil conta com diversas tecnologias para adotar.

Trabalhar com sustentabilidade é fundamental para a preservação do meio ambiente. Além disso, colabora para dar ainda mais destaque aos novos empreendimentos, já que a procura por obras sustentáveis é um diferencial de mercado que atrai muitos clientes.

 

Realidade aumentada:

Uma das novas tecnologias que se popularizou ainda mais com a pandemia e o isolamento social. A realidade aumentada vem se ampliando há anos na construção civil e deve se estabilizar cada vez mais no setor.

A tecnologia permite que os clientes tenham uma visão mais clara de como será o projeto depois de construído, permitindo apresentar opções mais estratégicas e alinhar as expectativas do cliente.

Esta tecnologia também colabora para o planejamento das construtoras, que a utilizam para identificar áreas onde problemas podem ser enfrentados e analisar riscos de SST, reduzindo as chances de erros, desperdícios e acidentes.

 

Building Information Modeling (BIM):

Seguindo as novas tecnologias que trazem a ferramenta 3D para a construção civil, a Modelagem da Informação da Construção ganha bastante espaço no setor.

A digitalização de obras que o BIM permite realizar é ideal para construtoras que desejam otimizar processos e ter maior visibilidade do passo a passo da execução de obras.

Esta tecnologia oferece maior precisão durante o alinhamento do projeto. Assim, ele garante que as necessidades e expectativas dos clientes sejam bem representadas e atendidas. Além disso, é uma base excelente para o desenvolvimento de cronogramas de obras e orçamentos mais assertivos.

Estruturas pré-fabricadas:

Esta tecnologia faz parte do dia a dia de muitas construtoras. As estruturas pré-fabricadas, também conhecidas como estruturas modulares, seguem sendo consideradas como tendência para o ano de 2022.

Elas oferecem grandes benefícios, como otimização do cronograma de obras, controle de custos, redução de desperdícios e atrasos e também colaboram para a sustentabilidade na construção civil.

 

Digital Twin:

Este conceito da construção civil se aplica na hora de transferir a realização de projetos do papel para o ambiente digital. A ferramenta funciona com o objetivo de duplicar os processos offline para o online sem perder nada.

Desse modo, esta tecnologia usa o ambiente digital para otimizar a área da construção civil. Diferentemente da realidade aumentada, que cria o projeto digital a partir dos dados coletados, o sistema Digital Twin elabora os dois ao mesmo tempo.

Assim é possível dar maior funcionalidade e previsibilidade para as construtoras. Conforme o projeto começa a ser planejado no papel, uma versão digital já é construída, dado a dado em tempo real.

Isto traz como vantagem principal a economia de tempo na revisão dos projetos. Como a análise detalhada da estrutura virtual se forma de maneira mais complexa, ocorre ao mesmo tempo que os primeiros passos do planejamento são dados.

 

Robotização de processos:

O uso de robôs e de inteligência artificial está cada vez mais ganhando espaço e novas formas de aplicação na construção civil. 

No canteiro de obras, as novas tecnologias oferecem a possibilidade de utilizar robôs e sensores em roupas que podem ajudar a reduzir riscos de acidentes e monitorar a produtividade.

Já dentro dos escritórios, eles colaboram com o planejamento e organização dos processos, além de reduzir erros em cálculos e previsões de riscos e garantir maior rapidez e economia para o desenvolvimento dos projetos.

Com a robotização de processos da construção civil é possível criar um sistema de otimização de ponta a ponta nas construtoras e nas obras.

Deixe um comentário