You are currently viewing 5 tendências da construção civil
5 tendências da construção civil

5 tendências da construção civil

Existe uma grande expectativa para construção civil neste ano. O setor foi bastante prejudicado pela pandemia, mas conseguiu continuar operando. Mesmo com todas as dificuldades, obteve um crescimento importante e voltou a ser uma das indústrias fundamentais para a retomada da economia.

Agora, o setor tem tudo para alavancar em 2022. Por isso, as empresas querem aproveitar o momento e precisam acompanhar as novas tendências do setor. Com a grande competitividade do mercado, a busca por novos modelos e processos faz com que seja possível se destacar dentre tantos concorrentes.

Nesse sentido, é fundamental conhecer as tendências e preparar o orçamento para investir nas tecnologias, já que estas demonstram ser as que se relacionam melhor com as novas oportunidades de crescimento na construção civil.

De fato, novas tecnologias e novas aplicações para tecnologias já conhecidas trabalham para moldar processos na construção civil, sempre com o objetivo de melhorar resultados e aumentar a qualidade e lucratividade das obras.

Separamos 5 tendências da construção civil no ano de 2022. Fique ligado!

5 tendências da construção civil

1 – Materiais sustentáveis e adaptações ecológicas – A sustentabilidade chegou para ficar na construção civil. Desse modo, incorporar princípios sustentáveis é fundamental para que sua empresa não fique de fora do mercado. Atualmente, a proteção do meio ambiente está se tornando requisito para a contratação de novos serviços no setor.

Também é possível utilizar de novas tecnologias sustentáveis, que estão cada vez mais aprimoradas, e facilitam o trabalho das empresas. Além disso, são grandes diferenciais para a obra e chamam atenção de novos clientes.

Podemos citar, por exemplo, tijolos ecológicos, cisternas para coleta e armazenamento de águas pluviais, telhados verdes como solução termoacústica, claraboias para iluminação e jardins verticais para regular a temperatura interna.

O reaproveitamento de materiais também é uma tendência potente para este ano, com a reutilização de pisos e ladrilhos, pallets, reuso de móveis antigos e uso de madeira de demolição.

2 – Building Information Modeling (BIM) – Não é de hoje que o BIM está sendo utilizado na construção civil. No entanto, cada vez mais a técnica se aperfeiçoa e se apresenta como uma solução para diversos problemas do setor.

A Modelagem da Informação da Construção, tradução para o nome em inglês, é uma tecnologia 3D que permite otimizar processos e ter maior visibilidade do passo a passo da execução de obras. Mesmo que o custo inicial possa ser elevado, é ideal para as construtoras melhorarem o desempenho, eficiência e qualidade do trabalho.

Também podemos citar a Realidade Aumentada, já que ambas as tecnologias oferecem bases mais concretas para alinhar o projeto com as necessidades e expectativas dos clientes, além de ser uma base excelente para o desenvolvimento de cronogramas de obras e orçamentos mais assertivos.

3 – Estruturas pré-fabricadas – Esta tendência pode ser uma velha conhecida da construção civil e fazer parte do dia a dia de muitas construtoras. No entanto, as estruturas pré-fabricadas seguem forte como uma tendência para este ano, já que apresentam diversos benefícios para as empresas.

Os benefícios partem desde o cronograma de obras, controle de custos, redução de desperdícios e atrasos, e vão até mesmo para o caminho da sustentabilidade na obra. Por isso a escolha destas peças está cada vez mais na moda em projetos da construção civil.

A tendência é que a busca por essas estruturas seja cada vez maior com o passar dos anos e construtoras que estiverem preparadas para adotá-las em projetos sairão na frente.

4 – Atendimento ao cliente – Fazer um bom relacionamento com o cliente é um grande potencial competitivo para as empresas da construção civil. É necessário oferecer um atendimento diferenciado aos clientes, que precisam ser bem comunicados e se sentirem especiais nesse sentido.

Manter o cliente atualizado de todo o projeto e cronograma é fundamental para gerenciar as expectativas, além de transmitir mais confiança e conquistá-lo. Aqui a tecnologia é muito importante, pois é possível que a construtora faça uso de meios de comunicação com o cliente em tempo real.

5 – Robotização de processos – Por último, vamos falar da robotização dos processos. A tendência é que cada vez mais estas máquinas sejam aprimoradas e possam ser aproveitadas pela construção civil. Ou seja, os robôs vão ser incorporados ao trabalho humano, utilizando a tecnologia a nosso favor.

Um exemplo disso é durante as demolições, atividade que necessita de muito esforço, energia e precisão dos colaboradores, além de apresentar um grande risco de acidentes de trabalho. Também é possível aplicar a utilização de máquinas para o serviço de alvenaria.

A inovação e progressão tecnológica fazem parte da construção civil e os robôs são uma forma de agregar segurança, qualidade e eficiência para o setor.

Deixe um comentário