You are currently viewing Como funcionam as etapas da terraplenagem?
Como funcionam as etapas da terraplenagem?

Como funcionam as etapas da terraplenagem?

Existe uma série de etapas da terraplenagem que devem ser executadas para que o serviço fique completo. Cada um desses passos é fundamental para o sucesso da obra e a garantia de segurança e eficiência para todo o projeto de construção civil.

Negligenciar uma das etapas da terraplenagem pode trazer graves riscos para a construção e para as pessoas envolvidas, podendo causar acidentes graves e prejuízos para a obra. Estas patologias podem surgir também se o processo de terraplenagem não for realizado corretamente ou por profissionais sem qualificação.

Para evitar rachaduras ou desabamentos, terreno desnivelado, acidentes e até mesmo o risco de a obra ser embargada pelo poder público, você deve seguir todas as etapas da terraplenagem à risca.

Para isso, a empresa responsável precisa fazer uma análise prévia de todo o solo e do projeto, conferindo como serão feitas as aplicações e a melhor maneira de realizar a terraplenagem.

Assim, seja em construções de pequeno porte ou em grandes empreendimentos, a terraplenagem é uma das etapas mais importantes da construção civil. E conhecer todos os processos que a envolvem é fundamental para entendermos o seu funcionamento e relevância.

 

Conheça as etapas da terraplenagem

 

Escavação – Uma das etapas da terraplenagem que necessita de equipamentos modernos. Através do uso de uma escavadeira ocorre a remoção do excesso de terra, alterando a topografia natural da área, rebaixando o terreno. Existem duas formas de realizar este processo, variando conforme a necessidade. Assim, pode-se realizar com a remoção da terra ou sem retirada de material.

No primeiro modelo, o terreno é apenas escavado e a terra retirada é levada para outros lugares de descarte correto e sustentável. Já no segundo processo, existe uma cota de nivelamento, que é comum em todo projeto, assim, o excesso também é retirado. 

No entanto, ele deve ser destinado para outras áreas da obra em que o nível é mais baixo do que o necessário para o projeto.

Aterrar – Esta etapa consiste basicamente em despejar o excesso de terra armazenado na área desnivelada. Assim como o processo anterior, ele também pode ser feito com terra ou sem. 

Desse modo, deve-se averiguar a necessidade de a terra ser escavada ou a própria área tem pouca terra, sendo necessário completar com material de outro lugar. 

No segundo caso, é utilizado material de origem do próprio terreno, geralmente, essa terra não tem funcionalidade. Ela é chamada também de corte e compensação.

Compactação de solo – Este é o passo seguinte em relação às duas etapas da terraplenagem anteriores. Este processo está ligado diretamente à construção de aterros em partes do terreno, sendo o solo compactado por meio de rolos compactadores e compressores para torná-lo mais firme.

O processo é realizado a partir do umedecimento de uma certa quantidade de terra e após isso deve-se utilizar para assentá-la. O processo é feito em diversas camadas até atingir o que foi especificado no projeto.

Troca de solo – Muitas vezes a consistência do solo pode não ser firme o suficiente para que possa construir a estrutura do projeto. 

Quando isso ocorre, deve-se fazer um estudo da região, conferindo as condições da área e a partir dos resultados verificar o quanto será retirado para então importar terra e compactar o solo.

Drenagem do solo – De todas as etapas da terraplenagem, esta é a que mais se encaixa no processo de fundação profunda. Esta importante técnica deve-se ser realizada quando o terreno está muito úmido impossibilitando a compactação. 

Desse modo, são criados canais que são criados em partes do terreno para escoar a água em excesso e valas em um nível mais baixo.

Prevenção de erosão – Um dos processos da terraplenagem essenciais para solos arenosos, sedimentares, com taludes, com terrenos em declive ou aclive, são propícios a terem erosões por causa das chuvas fortes.

Nessas localidades, é necessário construir curvas de nível, evitando o surgimento de alterações. Assim, o corte ao longo do aclive ou declive para onde a água escorre, evitando a deterioração do solo e surgimento de erosões.

 

Terraplenagem de qualidade é com a Terra Brasil

 

Se você precisa de serviços de terraplenagem, confie o seu projeto a uma empresa especialista no assunto. Só assim você terá a garantia de que o seu empreendimento não sofrerá riscos de segurança ou atrasos na obra. Somente profissionais capacitados, com equipamentos de última geração podem executar com precisão e eficiência todas as etapas da terraplenagem.

A Terra Brasil Terraplenagem é uma empresa especializada em serviços de terraplenagem em geral. Atuamos no setor desde 1997, quando iniciamos nosso trabalho apenas com o comércio e transportes de materiais de construção.

Atualmente, possuímos mais de 15 qualificações em terraplenagem e concluímos mais de 2300 obras com este tipo de serviço.

Também realizamos locação de equipamentos e serviços de demolições (pequeno, médio e grande porte) e escavações, fazendo o acompanhamento e limpeza de materiais resultantes de fundação tipo hélice contínua monitorada.

Atuamos ainda na área de comércio e transporte de materiais de construção como areias, pedras, argamassas, aterros entre outros, atendendo nossos clientes com eficiência e qualidade.

Deixe um comentário